O populismo na mídia

como dois grandes jornais brasileiros utilizam o conceito?

Autores

  • Ulisses Melo UFPE

DOI:

https://doi.org/10.31990/agenda.2022.3.5

Palavras-chave:

Populismo, Mídia, Opinião Pública

Resumo

Nos últimos noventa anos a palavra populismo foi alvo de debates espinhosos, principalmente na América Latina. Esta expressão, contudo, vem ganhando novas abordagens desde a publicação das primeiras obras de Ernesto Laclau e a ascensão de políticos como Donald Trump e Jair Bolsonaro. Partindo dessa premissa, este artigo busca compreender em quais contextos e de que forma o conceito populismo está sendo utilizado nos jornais O Globo e Folha de São Paulo, tentando assim compreender os significados dados ao termo no debate público nacional. Para alcançar resultados válidos, a pesquisa utilizará como método os princípios da análise de conteúdo em conjunto com os resultados estatísticos obtidos do software Iramuteq. O trabalho encontrou três abordagens do conceito feitas pelo jornalismo tradicional, sendo o populismo inserido em análises econômicas, internacionais e de teoria política, com significados diferentes em cada um deles.

Referências

BAKER, Peter C. Populismo, conceito precário. Instituto Humanitas Unisinos, 16 fev. 2019. Disponível em: <https://ihu.unisinos.br/publicacoes/78-noticias/586632-populismo-conceito-precario>. Data de acesso: 07 mar. 2023.

BARDIN, Laurence. Análise de Conteúdo. Lisboa: Edições 70, 1977.

BATISTELLA, Alessandro. Um conceito em reflexão: o “populismo” e a sua operacionalidade. Revista Latino-Americana de História, v. 1, n. 3, 2012.

BBC NEWS BRASIL. ‘Um governo liderado por Lula não nos assusta’, diz Mark Mobius, megainvestidor ‘guru dos emergentes’. Época negócios, Rio de Janeiro, 11 mar. 2021. Disponível em: <https://epocanegocios.globo.com/Economia/noticia/2021/03/um-governo-liderado-por-lula-nao-nos-assusta-diz-mark-mobius-megainvestidor-guru-dos-emergentes.html>. Data de acesso: 07 mar. 2023.

BELTRÃO, Helio. Só sofre greve de caminhoneiro país que tem petroleira estatal. Folha de S. Paulo, 23 fev. 2021. Disponível em: <https://www1.folha.uol.com.br/colunas/helio-beltrao/2021/02/so-sofre-greve-de-caminhoneiro-pais-que-tem-petroleira-estatal.shtml>. Data de acesso: 07 mar. 2023.

BONDUKI, Nabil. Auxílio emergencial, OK, mas e um plano anticíclico para gerar emprego e renda?. Folha de S. Paulo, 21 fev. 2021. Disponível em: <https://www1.folha.uol.com.br/colunas/nabil-bonduki/2021/02/auxilio-emergencial-ok-mas-e-um-plano-anticiclico-para-gerar-emprego-e-renda.shtml>. Data de acesso: 07 mar. 2023.

BOTELHO, João Carlos Amoroso. A aplicação do conceito de populismo à América Latina: pela necessidade de classificar, e não desqualificar. Revista de Estudos e Pesquisas sobre as Américas, v. 7, n. 1, 2013.

CAMARGO, Brigido Vizeu; JUSTO, Ana Maria. IRAMUTEQ: Um software gratuito para análise de dados textuais. Temas em Psicologia, v. 21, n. 2, p. 513-518, 2013.

_______. Tutorial para o uso do software Iramuteq. Iramuteq, 2013. Disponível em: . Data de acesso: 07 mar. 2023.

CAPELATO, Maria Helena. Mídia e Populismo/ Populismo e Mídia. Revista Contracampo, v.28, n.3, p. 52-72, 2013.

CERVI, Emerson U. Análise de conteúdo automatizada para conversações em redes sociais online: uma proposta metodológica. 42º Encontro Anual da ANPOCS, Caxambu, 2018.

FERREIRA, Jorge. O nome e a coisa: o populismo na política brasileira. In: FERREIRA, Jorge (org.), O populismo e sua história: debate e crítica. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, p. 60-124, 2001.

FISCHER, Luís Augusto. Racismo e Pobreza marcam ‘Torto Arado’ e outros 3 ótimos romances atuais. Folha de S. Paulo, 06 mar. 2021. Disponível em: <https://www1.folha.uol.com.br/ilustrissima/2021/03/racismo-e-pobreza-marcam-torto-arado-e-outros-3-otimos-romances atuais.shtml#:~:text=Por%20ordem%20de%20entrada%20em,Todavia)%2C%20ambos%20de%202020>. Data de acesso: 07 mar. 2023.

FRANCO, Maria Laura Puglisi Barbosa. Análise de Conteúdo. Rio de Janeiro: Liber Livro Editora, 2ª ed, 2005.

FREIDENBERG, Flavia. La tentación populista: Una vía al poder en América Latina. Madrid: Síntesis, 2007.

ERLANGER, Steve. Populistas europeus que flertavam com Trump agora querem distância. O Globo, 15 jan. 2021. Disponível em: <https://oglobo.globo.com/mundo/populistas-europeus-que-flertavam-com-trump-agora-querem-distancia-24837227>. Data de acesso: 07 mar. 2023.

GIELOW, Igor. Trump promove sedição e fornece roteiro para Bolsonaro em 2022. Folha de S. Paulo, 06 jan. 2021. Disponível em: <https://www1.folha.uol.com.br/mundo/2021/01/trump-promove-sedicao-e-fornece-roteiro-para-bolsonaro-em-2022.shtml>. Data de acesso: 07 mar. 2023.

GOMES, Angela de Castro. O populismo e as ciências sociais no Brasil: notas sobre a trajetória de um conceito. In: FERREIRA, Jorge (Org.). O populismo e sua história: debate e crítica. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, p. 17-58, 2001.

KALTWASSER, Cristóbal Rovira et al. (Ed.). The Oxford Handbook of Populism. Oxford University Press, 2017.

HAWKINS, Kirk A. Is Chávez populist?: Measuring populist discourse in comparative perspective. Comparative Political Studies, v. 42, n. 8, p. 1040-1067, 2009.

LACLAU, Ernesto. Populismo: ¿Qué nos dice el nombre?. In: PANIZZA, Francisco (comp.) EI populismo como espejo de la democracia. Buenos Aires: Fondo de Cultura Económica, p. 51-70, 2009.

LEITÃO, Míriam. O projeto que foi sem nunca ter sido. O Globo, Rio de Janeiro, 26 jan. 2021. Disponível em: <https://blogs.oglobo.globo.com/miriam-leitao/post/o-projeto-que-foi-sem-nunca-ter-sido.html>. Data de acesso: 07 mar. 2023.

LIPPMANN, Walter. Public Opinion. New York: Macmillan, 1922.

LYNCH, Christian Edward Cyril. Bolsonaro expõe autoritarismo de neoliberais e nova 'jornada de otários' de liberais. Folha de S. Paulo, São Paulo, 20 mar. 2021. Disponível em: <https://www1.folha.uol.com.br/ilustrissima/2021/03/bolsonaro-expoe-autoritarismo-de-neoliberais-e-nova-jornada-de-otarios-de-liberais.shtml>. Data de acesso: 07 mar. 2023.

McCOMBS, Maxwell. Setting the Agenda: The mass media and the public opinion. Cambridge: Polity Press, 2ª ed., 2014.

McCOMBS, Maxwell; SHAW, Donald. The Agenda-Setting Function of Mass Media. Public Opinion Quarterly, v. 36, n. 2, p. 176–187, summer 1972.

MITRE, Antônio. As peregrinações de um conceito: populismo na América Latina. Cadernos de História, Belo Horizonte, v.10, n. 13, 2008.

MUDDE, Cas. The Populist Zeitgeist. Government and opposition, v. 39, n. 4, p. 541-563, 2004.

_______. An ideational approach. In: KALTWASSER, Cristóbal R. et al. (org.). The Oxford Handbook of Populism, p. 27-47, 2017.

MUDDE, Cas; KALTWASSER, Cristóbal Rovira. Populism: A very short introduction. Nova Iorque: Oxford University Press, 2017.

______. Studying populism in comparative perspective: Reflections on the contemporary and future research agenda. Comparative Political Studies, v. 51, n. 13, p. 1667-1693, 2018.

RATINAUD, Pierre. IRAMUTEQ: Interface de R pour les analyses Multidimensionnelles de textes et de questionnaires. Iramuteq, 2009. Disponível em: <http://www.iramuteq.org>. Acesso em: 07 mar. 2023.

REINERT, Max. Alceste une méthodologie d’analyse des données textuelles et une application: Aurelia de Gerard de Nerval. Bulletin de Methodologie Sociologique, v. 26, n.1, p.24-54, 1990.

ROODUIJN, Matthijs. The mesmerising message: The diffusion of populism in public debates in Western European media. Political Studies, v. 62, n. 4, p. 726-744, 2013.

SALVIATI, Maria Elisabeth. Manual do aplicativo IRAMUTEQ (versão 0.7, Alpha 2 e R versão 3.2.3). In: Iramuteq. Planaltina: 2017.

SARMENTO, Daniel. Autoritarismo, Constituição e Lei de Segurança Nacional. O Globo, Rio de Janeiro, 29 jan. 2021. Disponível em: <https://blogs.oglobo.globo.com/fumus-boni-iuris/post/autoritarismo-constituicao-e-lei-de-seguranca-nacional.html>. Data de acesso: 07 mar. 2023.

WEYLAND, Kurt. A political-strategic approach. In: KALTWASSER, Cristóbal R. et al. (org.) The Oxford Handbook of Populism, p. 48-72, 2017.

Downloads

Publicado

2023-08-22

Como Citar

MELO, U. O populismo na mídia: como dois grandes jornais brasileiros utilizam o conceito?. Revista Agenda Política, [S. l.], v. 10, n. 3, p. 124–146, 2023. DOI: 10.31990/agenda.2022.3.5. Disponível em: https://www.agendapolitica.ufscar.br/index.php/agendapolitica/article/view/749. Acesso em: 2 mar. 2024.